MEUS SEGUIDORES

sábado, 19 de agosto de 2017

EU CONSIGO Autora: Profª Lourdes Duarte



EU CONSIGO
Autora: Profª Lourdes Duarte


Tem situações na vida que nos deixam tristes, desolados. Porque não dizer, nos sentimos fracassados. Principalmente quando objetivamos algo com muita intensidade e não alcançamos.

Nem tudo na vida é fácil e nem tudo que não alcançamos é sinal de fracasso. Se na vida alcançássemos tudo que almejamos,com certeza não teria emoção o que conseguimos com sacrifício.

Dalai Lama tem uma frase magnifica que nos ensina muito. , “A mais profunda raiz do fracasso em nossas vidas é pensar, 'Como sou inútil e fraco'. É essencial pensar poderoso e firmemente, 'Eu consigo', sem ostentação ou preocupação”.

Se não alcançamos o que desejamos hoje, lutemos para conseguir amanhã. A força de vontade nos impulsiona para alcançarmos tudo que sonhamos e desejamos. Como diz o grande  Dalai Lama, 'Eu consigo', sem ostentação ou preocupação”.

Então, deixei os momentos ruins que te fizeram sentir um fracassado irem embora, como os  pássaros que voam livres no verão e se protegem no frio do inverno.  Deixe que o presente seja sinônimo de esperança, renove as suas forças, levante a cabeça e deixei o passado que te fez sofrer, cair como as folhas de uma árvore no outono e  que em toda Primavera voltam, mais verdes e belas e logo as flores florescerão perfumando os campos.

Assim é a vida

Não deixe que algo, alguém ou momentos te  transforme em  um fracassado. Lute!
Enfim, espere o futuro chegar assim como os pássaros esperam o verão para voarem livremente, as folhas de uma árvore que esperam o outono para caírem e as flores a Primavera para florescer e exalar o seu perfume.  A diferença é você esperar, não como um fracassado mas como um lutador de sonhos e objetivos. Sempre de cabeça erguida, sabendo que pode ir mais longe do que já foi, porque você consegue.

Lembre-se sempre do pensamento de Abraham Lincoln “O campo da derrota não está povoado de fracassos, mas de homens que tombaram antes de vencer”.










sexta-feira, 11 de agosto de 2017

O MAIS VALIOSO DOS BENS DEPOIS DA SAÚDE É A PAZ INTERIOR Profª Lourdes Duarte






O MAIS VALIOSO DOS BENS DEPOIS DA SAÚDE É A PAZ INTERIOR
Profª Lourdes Duarte

O ser humano pode ter um poder aquisitivo extraordinariamente grande. Os seus bens materiais podem ser incalculáveis, mas o mais  valioso dos bens , depois  da saúde é a paz interior.

E para ser feliz plenamente é preciso ter essa paz, a paz interior, que muito não tem pois  se prendem a coisas supérfluas, sofrem antecipado com problemas ou  guardam sentimentos que dificultam alcançar esse estado de paz.

Matheus Rodrigues da Silva, escreveu o seguinte:
“Paz interior, é a felicidade plena, coração leve como uma pena, livre da angústia, da raiva, do sofrimento, e tudo que te reprime, que deixa seu peito apertado”.

     Isto significa que  a paz interior decorre  do amor  pela vida e pelo próximo e do desprendimento das coisas banais e dos bens materiais que os sufocam.

Tem um pensamento lindo do "  André Luiz   "A paz interior é seu maior tesouro. Não deixe que a ansiedade venha roubá-la, nem permita que alguém a destrua. Seja com atitudes ou comentários. Seja você revestido da certeza, de que a noite mais escura vai passar."
Se desprenda de tudo que te faz sofrer, dos problemas, ódio, rancores, amarguras, procure ser mais feliz, aceitando as situações da vida e aprendendo com os desafios.

Viva à vida como ela é sem ganância. Olhe para ''VOCÊ'' e siga em frente! Tudo passa,a vida é curta demais para ficar amargurando coisas negativas, não deixe que elas destruam a sua paz interior.

Contemplai as aves do céu: não semeiam, não colhem, nem armazenam em celeiros; contudo, vosso Pai celestial as sustenta. Não tendes vós muito mais valor do que as aves? (Mateus 6:26).

Lembre-se, a paz exterior começa com a paz interior e sem ela pode acarretar inúmeros problemas de saúde.








segunda-feira, 7 de agosto de 2017

DEUS PREPARA COISA MELHOR PRA VOCÊ Autora, Profª Lourdes Duarte



DEUS PREPARA COISA MELHOR PRA VOCÊ
Autora, Profª Lourdes Duarte

       O amor aparece quando menos se espera e de onde menos se imagina. Mas quando isso acontece, não significa que esse amor será eterno ou que será o único amor pra toda vida.
 Juras de amor nem sempre significam a existência do verdadeiro amor.
É fácil dizer,” Quero continuar do seu lado, pra sempre meu eterno namorado (a)... Eu vou estar sempre do seu lado te amando pra todo sempre”.
     Ou, “O meu amor por ti é tão grande e forte, como uma chama que queima minha alma e esquenta meu coração e será infinito!”.
     São tantas  juras de amor, umas mais convincentes que as outras, mas na verdade o amor não se prova com palavras, o amor é sentido e compartilhado com gestos, carinhos e atitudes concretas, dias após dias.
   Existem momentos na vida da gente, em que as palavras perdem o sentido ou parecem inúteis e, por mais que a gente pense numa forma de empregá-las, elas parecem não servir. Então a gente não diz, apenas sente. Um desses momentos, é quando acontece uma decepção de amor. O sofrimento bate forte que chega doer na alma e parece não ter fim.
  O grande William Shakespeare diz que “Lamentar uma dor passada, no presente, é criar outra dor e sofrer novamente.
        Se alguém que lhe jurou amor eterno, lhe traiu ou lhe desprezou negando todas as juras de amor que te declarava, procure esquecer e não fique sofrendo na esperança que esse amor volte. Que amor! Se nunca existiu. Quando o amor é verdadeiro pode até adormecer, mas não acaba.
    Não adianta desperdiçar sofrimento por quem não lhe merece mas esquecer um amor ou uma grande paixão é difícil, porém sofrer por quem não nos merece é pior.
    Anabell Cunha, alerta: " Nunca deixe de amar quem te ama, para sofrer por quem não te merece"
    Lembre-se, na vida, a gente passa por momentos difíceis, mas eles são feitos sempre na medida que somos capazes de suportar. Se no presente você sofre por amor, acredite, esse momento você pode suportar e com certeza, Deus prepara coisa melhor pra você. Você vai superar, mas antes Deus vai lhe ensinar a ser forte e a reconhecer quando o verdadeiro amor tocar seu coração. Pense nisso!


quinta-feira, 3 de agosto de 2017

AMOR TRANSCENDENTAL Profª Lourdes Duarte



AMOR TRANSCENDENTAL
Profª Lourdes Duarte


Quando dois corações se reencontram
Pulsam no mesmo ritmo e intensidade
Numa conexão espiritual de vidas passadas
Um amor forte que venceu a morte.


Quando duas almas se reencontram
O tempo que passou é mera ilusão
Basta se olhar ou falar, um oi, tudo bem?
Inconscientemente reconhecem -se
Como se existisse forte ligação.


Transbordam do cálice de amor
Os pequenos gestos de carinho...
Almas apaixonadas se encontram
Há! vivendo um para o outro
No calor do prazer e do amor.


Elo afetivo, transcendental
Empatia inexplicável surreal
Almas gêmeas que se encontram
Um amor além do tempo
Um  forte, um  ardente amor!


******






Amigos, para escrever essa poesia, pesquisei, sobre o tema e encontrei neste site, https://www.astrocentro.com.br/blog/espiritual/possivel-reconhecer-amor-vidas-passadas/ uma matéria muito interessante que indico para quem desejar aprofundar os conhecimentos sobre este assunto.
Sou católica, mas respeito todas as religiões e crenças porque acredito que Deus é único, para todos os cristãos. Deus é um Dogma de fé.

AMOR DE VIDAS PASSADAS

Um amor de vidas passadas não é fácil de reconhecer, primeiramente porque no plano físico não nos lembramos das nossas vidas anteriores, porque esquecemos nossas lembranças que ficam adormecidas, apenas nos conectando a elas no plano espiritual. Já na espiritualidade sim é possível perceber o sentimento do elo afetivo transcendental entre duas almas.
A conexão espiritual, de acordo com o espiritismo, transcende a matéria do corpo e o tempo, passando pelas gerações e encarnações do plano físico. Quando duas almas que se amam se encontram, talvez não percebam imediatamente, mas sentem uma empatia mútua fora do comum, profunda e inexplicável.
Um esotérico faz estudos sobre seu passado e lança previsões sobre a sua vida amorosa. Faça uma consulta personalizada Agora!
Como reconhecê-lo?
A vida que vivemos no presente não é única, tendo nossa vida atual reflexos, karmas e também amores do passado. Para reconhecê-los você só precisa se conectar profundamente consigo mesmo, com exercícios de meditação para melhorar seu autoconhecimento e ser uma pessoa receptiva ao mundo em si.
Fique atento aos sinais, e se alguém cruzar seu caminho e você sentir uma empatia surreal pode ser que esse sentimento seja mais antigo do que pensa, e um amor do passado pode estar na sua frente.
Mas lembre-se que não estamos falando apenas de amantes e casais, mas também de irmãos, mães e amigos, pois muitas vezes este sentimento se manifesta de formas misteriosas e precisamos aceitar a forma a qual nosso amor antigo encarnou nessa vida e amá-lo tanto quanto na vida passada.
O que fazer quando se reencontram com destinos já definidos?
Mesmo que você consiga encontrar seu amor do passado nessa encarnação, não significa que necessariamente ficarão juntos. Isso ocorre porque há reencontros que acontecem quando as duas almas já estão comprometidas com outras pessoas e famílias, impossibilitando o reencontro. É preciso ter um alto poder de resignação e coragem para abrir mão desse amor em prol da vida vigente dele.
Outro caso comum em afetos verdadeiros é que eles não se encontrem porque estão individualmente vivendo outras experiências e ampliando seus laços com outras almas. Nesse caso, as almas aliviam a saudade através de visitas em espírito, ou seja, nos sonhos. Não se desespere se esse ou o exemplo acima forem o seu caso, se o amor é eterno e transcendente se vocês não conseguiram se encontrar nessa encarnação, na próxima conseguem, até lá busque equilíbrio espiritual e seja feliz.